Que ser síndico não é uma tarefa fácil, nós sabemos! Mas sabemos, também, que a experiência torna tudo melhor e mais fluido, deixando a rotina menos atribulada com o passar do tempo. Além disso, o que pode ajudar principalmente os síndicos de primeira viagem é ouvir quem já está há tempos nessa empreitada. Conselhos, dicas e macetes são sempre bem-vindos e podem fazer toda a diferença nas ações do seu dia a dia.

Reunimos aqui algumas informações, experiências e sugestões de síndicos em atividade, para auxiliar você seja para saber por onde começar ou para ter novos insights sobre a área. Confira!

 

O síndico é um profissional que depende de muitas áreas de conhecimento.”

É preciso saber de direito e legislação, conhecer contabilidade, precisa da parte de administração, conhecer as normas técnicas, ter noções de engenharia civil, elétrica, e até psicologia é importante conhecer! Ser síndico de um condomínio é um aprendizado o tempo todo. Tem que ser uma pessoa aberta, conciliadora, dinâmica e não pode deixar se abater pelos problemas. Ao contrário: tem que saber crescer ante as dificuldades.

Engenheiro, Síndico Profissional em 9 condomínios e vice-presidente da ABRASSP-DF, Guillermo Santana Enriquez.

 

Costumo dizer, em palestras e treinamentos, que condomínio é tudo igual, só mudam o endereço e os moradores.”

Todos os condomínios enfrentam algum tipo de problema ou conflito a ser resolvido. Não encaro isso como dificuldade, pois uma hora ou outra um motor de portão para de funcionar, um vazamento aparece, uma bomba da caixa d’água não funciona, etc. Acredito que para muitos seja um problema para mim, é rotina e de fácil solução, pois, ao longo dos anos, formei uma lista de fornecedores que estão aptos a atender os condomínios prontamente.

Síndico Profissional e coordenador geral da Síndicos & Síndicos Associados, Raphael Mattoso.

 

“Não é fácil administrar conflitos, ainda mais quando se trata de pessoas que residem no mesmo lugar que você.”

Os conflitos só existem porque existem muitas adversidades. Cada um pensa de uma forma e, na maioria das vezes, não respeitam ou não se informam sobre as regras existentes em um condomínio. A única maneira que vejo para se ter sucesso é sempre conversar e não deixar de dar retorno ao condômino referente às dúvidas ou situações que ocorrem tendo sempre respeito por todos.

Síndica do Condomínio Costão da Barra, Sandra Regina Tasca.

 

“Procuro ler muito.”

Assino editoriais dos principais sites que tratam de assuntos de interesses do condomínio e procuro ser um assíduo estudioso das questões legais que envolvem todas as relações do condomínio. Também me relaciono com diversos outros síndicos profissionais.

Síndico do condomínio Station Parada Inglesa, José Roberto Arantes.

 

Administradoras bem preparadas e comprometidas com o valor da entrega dos serviços prestados auxiliam e muito o síndico durante o seu exercício, nas várias questões operacionais e administrativas do dia a dia de um condomínio.”

As administradoras disponibilizam ferramentas de controle e acompanhamento para melhorar a tomada de decisão pelo síndico. […] Como síndicos, vivenciamos diariamente uma série de situações com questões que envolvem pessoas e processos, para as quais nem sempre há receita de solução pronta. Cada comunidade de moradores tem regras específicas e anseios diferentes.Com tamanha quantidade e complexidade de atividades, dividir responsabilidades e somar esforços para resultados melhores é construtivo, e todos ganham!”

Síndica Maria Helena Teixeira.

 

Formar uma boa rede de contatos com outros síndicos é uma ideia ótima conversar com eles pode fazer a diferença na resolução de problemas e outras questões dentro do seu condomínio. Outra ótima ideia é contar com a ajuda de uma Administradora de Condomínios, que conta com profissionais especializados em questões jurídicas, financeiras e de recursos humanos. A Verti Condomínios é um exemplo! Que tal conversar conosco e conhecer nossas soluções?